.seremos todos anormais?

Começa hoje na RTP2 a quarta série de “the L word“. Para quem não conhece, a série retrata a vida de um grupo de mulheres lésbicas/bissexuais, que vivem em Los Angeles, e dos que as rodeiam (amigos, parentes, amantes). Tenho acompanhado a série desde o início e aconselho vivamente, mesmo para aqueles/as que ainda tenham preconceitos relativamente a orientações sexuais ditas “menos convencionais” (pela sociedade em geral). Porque o universo destas mulheres (e de alguns homens) não é assim tão bizarro como os mais conservadores poderão pensar – amam, choram, sofrem, respiram, enfim, vivem como todas as outras pessoas.
Continuar a ler